Boletim dos Obreiros
Quarta, 01 Janeiro 2020 12:08

Igreja de Deus que se reúne em São Torquato, Vila Velha-ES

... Comunicamos às igrejas coirmãs que efetuamos a emancipação da congregação em São João do Garrafão (município de Santa Maria de Jetibá-ES). Aquele trabalho tem uma história interessante que resumiremos a seguir: Tudo começou quando o irmão Suir Martins da Silva decidiu adquirir um sítio naquela localidade onde existe uma grande colônia de pomeranos. O irmão Suir relata: “Olhei para os pomeranos e ao perceber suas necessidades materiais e, principalmente, espirituais, meu coração foi tocado por aquela situação. A Sandra, minha esposa, sentiu grande compaixão, especialmente pelas crianças. Logo descobrimos que essas pessoas tinham herdado de seus pais cultura, religião, costumes etc., bem diferentes dos nossos e que viviam na ignorância espiritual. Foi então que senti que o Senhor estava me dando uma oportunidade de alcançar essas pessoas para mostrar o amor de Deus e Sua mensagem de esperança em Cristo. Desde então, Sandra e eu, decidimos que cada vez que visitássemos nossa propriedade faríamos um estudo com o caseiro e sua família. O Senhor começou a trabalhar nos corações de tal forma que outras pessoas, ouvindo sobre os estudos bíblicos, por curiosidade, começaram a comparecer. Logo tornou-se evidente que sozinho eu não poderia efetivamente alcançar essas pessoas e aproveitar todas as oportunidades das portas das casas que se abriam. Então, nós chamamos nossa igreja local em São Torquato para nos ajudar. Por dez anos nós pregamos o Evangelho em nossas visitas aos pomeranos e encorajamos outros grupos para visitar, mas não era o suficiente. Tornara-se evidente que era necessário que alguém se mudasse permanentemente para São João do Garrafão a fim de continuar pregando a Palavra e ajudar os novos cristãos no crescimento espiritual, bem como ser referência mais permanente na localidade. Então nós encorajamos nossa igreja local a pensar neste trabalho com amor. No ano de 2006 o Senhor respondeu as orações! Foi então que a congregação em São João do Garrafão teve a alegria de receber o casal Ismael e Sílvia Machado, bem como sua filhinha Fernanda, para residirem permanentemente ali. Até hoje eles vivem lá com sua filhinha Ana Clara que nasceu depois”. Com a chegada do casal de missionários em tempo exclusivo o trabalho ganhou um novo impulso. Por isso construímos, em tempo recorde para nossos padrões, uma casa de oração e assim o trabalho foi se desenvolvendo. Hoje a localidade tem uma boa estrutura física com salas de aula e uma quadra coberta anexa à casa de oração. Portanto, como escrevemos no início, chegou o momento no qual aquela localidade foi emancipada e a partir de então passou a ser uma igreja autônoma dirigida pelos seus membros sob a orientação do Espírito Santo. Como também temos outra congregação na cidade Sede (Santa Maria de Jetibá), a qual os irmãos de Garrafão davam assistência, a partir da emancipação a congregação em Santa Maria passa a responsabilidade da igreja em São João do Garrafão. Portanto, a partir da emancipação daquele trabalho, a igreja em São Torquato não tem mais nenhuma responsabilidade com as localidades acima referidas, porém pretendemos continuar a manter os laços de comunhão como fazemos com centenas de igrejas espalhadas por esse Brasil afora. Rogamos suas ORAÇÕES pelo trabalho do Senhor em Garrafão e Santa Maria, no sentido de que o Senhor o conduza da melhor forma possível. Pela Igreja, Ademar Balbino de Souza Junior, Adonias Martins da Silva e Jabesmar Aguiar Guimarães ... PS.: aqueles que desejarem podem assistir ao vídeo de inauguração da casa de oração no link a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=uMmwdfxUnNQ ... (26/12/2019).